quarta-feira, 15 de outubro de 2008

Saudades

É quase impossível não sentir a fragrância que
o vento nesse momento me trás.
Um perfume incomparável da lembrança
de muitos anos atrás.
É quase imperceptível como as cores me fazem lembrar
esse tempo, esse céu, esse dia que estou vendo passar.
Como é amargo o gosto da saudade
no momento em que você quer aquela lembrança tocar.
Como é triste um simples fechar dos olhos
e apenas no mais sublime pensamento
aquela lembrança você poder abraçar.
A cada sopro do vento
A cada saudoso pensamento
O coração eleva ao mais forte pulsar
A cada sentir do calor
A cada gostinho da dor
Os olhos se enchem para mais lágrimas despejar
A saudade quando bate
pode te fazer rir ou te fazer chorar.
Pode te levar aquele tempo
e te fazer reviver cada momento, cada olhar.
Mas, ela também pode apertar teu peito
pelo simples fato de ser um tempo
que nunca mais irá voltar.

5 comentários:

Mariana Marques disse...

Tá td mundo tão suadosista ultimamente rsrs

Saudade é um sentimento inexplicável... às vezes dói, às vezes nos faz rir... de qqr forma é um dos sentimentos mais sinceros q existe.

=]

Bjuu amo vc coisinha!!

Mariana Marques disse...

Saudosista*... suadosista fica dificl neh? Se bem q com esse calor q ta fazendo ficar suado não eh dificil hahahaha

Mariana Marques disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Anônimo disse...

Perfeito.
Lembrei do velho e bom mineiro, Carlos Drummond de Andrade.
"A mão vazia alisa o banco e tua ausência".

luisghq disse...

Eita, falar o q sobre saudades... Saudades, aquele sentimento de vontade de ver alguém que está longe...
Tbm misturado com lembrança. Muito bom lembrar de um dia inesquecível!
Parabéns Ju... amo vc!!
Bjãããoo